.

.

.

.

César Menotti revela que precisou se internar para curar depressão

Sertanejo passou dez dias em clínica

FAMOSIDADES

O sertanejo César Menotti fez uma revelação no palco do "Encontro com Fátima Bernardes" desta teça-feira (12). 
Durante um papo sobre efeitos da depressão, o cantor disse ter sofrido durante anos com a doença e chegado a ser internado por dez dias em uma clínica de reabilitação para tentar se curar.
"Fiquei 10 dias internado em um local para pessoas com a alma destruída mesmo. Quando saí de lá, procurei meu pai, acertei minha vida com ele, perdoei e depois de 60 dias ele morreu. Se eu não tivesse tido esse processo, essa conversa, não teria me curado mais", avaliou.
Na época, o músico estava no auge do sucesso. Para evitar que seu problema fosse parar na mídia, resolveu se internar durante um período de férias. "As pessoas chegavam e diziam: 'Você tem uma vida boa, carro, não pode ficar assim'. Não entendiam".
Menotti destacou que a doença é tão grave e afeta tanto o psicológico de uma pessoa que pode levá-la à morte. "Você fica tão fraco, tão recluso da sociedade, que não consegue pedir ajuda."
O artista contou que está há três anos curado do problema e aconselhou as pessoas que sofrem de depressão a procurarem a ajuda de um especialista. 
"Muitas vezes, você quer abrir o coração com um pessoa que não está preparada e ela piora o que você está sentindo. Agradeço muito a Deus, porque em um dia que eu estava muito mal, consegui ligar para um profissional e isso fez a diferença. A cura veio através disso."

fonte: http://entretenimento.br.msn.com/