.

.

.

.

'Babilônia': com pior audiência da história, novela será encurtada em 3 semanas

'Babilônia': com pior audiência da história, novela será encurtada em 3 semanas 

 Cercada de polêmicas desde o primeiro capítulo, que exibiu um beijo gay entre Teresa (Fernanda Montenegro) e Estela (Nathalia Timberg), a novela "Babilônia" vem amargando uma baixa audiência - com média de 25 pontos na Grande São Paulo - e será encurtada pela TV Globo. De acordo com o colunista de TV Daniel Castro, a emissora decidiu reduzir em 18 capítulos a trama escrita por Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga, que já havia recebido uma mãozinha de Silvio de Abreu para reeditar 12 capítulos, compactando-os em seis.

Ainda segundo o colunista, a decisão da direção da Globo foi tomada na última sexta-feira (8). Inicialmente, "Babilônia" - que já teve cenas cortadas - teria 161 capítulos, mas agora serão apenas 143, perdendo três semanas no ar. Com isso, a novela se torna a terceira novela mais curta do horário, ao lado de "Em Família" (com o mesmo número de episódios), "Sangue e Areia" (135 capítulos) e "Anastácia" (125).
Com a pior audiência da faixa das oito e das nove desde o final da década de 60, quando a Globo assumiu a liderança entre as emissoras de TV, o folhetim terá seu último capítulo exibido em 28 de agosto. Agora, a substituta "A Regra do Jogo", de João Emanuel Carneiro, vai estrear no dia 31 de agosto e, por isso, começará a ser gravada nas próximas semanas. Além do protagonista Alexandre Nero, que se despediu de "Império" há dois meses, Giovanna Lancellotti também vai ter pouco tempo para descansar. O último papel da atriz foi em "Alto Astral", que acabou na última sexta (8).

'Babilônia' passou por reformulações na tentativa de alavancar audiência

A primeira medida da TV Globo para tentar elevar a audiência de "Babilônia" foi com a personagem de Sophie Charlotte. A atriz não será mais uma garota de programa, como previsto inicialmente. Já Murilo (Bruno Gagliasso) iria se safar da prisão ao ser flagrado pelo irmão, Vinicius (Thiago Fragoso), tentando explorar sexualmente Regina (Camila Pitanga). Agora, ele será preso e Vinícius será seu advogado. Outra cena que foi cortada foi o selinho que Estela e Teresa dariam após dizer "sim" no casamento.
Marcos Pasquim, que seria um gay enrustido e se envolveria com Marcello Melo Jr., agora será heterossexual. Procurado pelo Purepeople, o ator disse que encara a mudança com tranquilidade. "O personagem mudou devido às pesquisas que a Globo fez. A gente faz o que os autores escrevem", declarou Pasquim.
A emissora também alterou a logo da novela, o símbolo mostrado nas vinhetas de abertura. A cor da letra que antes era vermelho, passou a ser branca. A mudança, segundo a colunista Patricia Kogut, do jornal "O Globo", foi realizada para driblar uma campanha religiosa feita contra a trama.

fonte: www.msn.com