.

.

.

.

Ex-BBB nega affair com Dado Dolabella: "Nunca ficamos"

<p>Dado Dolabella venceu o processo que movia contra a Record na Justiça. A emissora foi condenada a pagar uma indenização de R$ 800 mil ao ator.</p><p>A sentença foi divulgada pelo jornal "O Globo". Procurada pelo Famosidades, a direção do canal informou que não pretende comentar a decisão.</p><p>Dolabella teve seu contrato rescindido após ser envolver em uma briga durante as gravações da novela "Vitória", em Curaçao, em 2014. A alta cúpula do canal demitiu o galã e precisou refazer várias cenas do projeto.</p><p>"Chegamos ao limite. Infelizmente não deu para manter o contrato. Achamos melhor para o elenco, a emissora e para ele rescindir contrato naquele momento. Ele não gostou nem nós gostamos de chegar a esse ponto. Não é bom para ninguém", disse Anderson Souza, diretor de teledramaturgia do canal, ao Famosidades na época da confusão. </p><p>O ex-noivo de Luana Piovani entrou com uma ação contra a empresa após o exame de corpo de delito feito pela vítima ter inocentado o moreno da acusação de agressão. </p>

Dado Dolabella venceu o processo que movia contra a Record na Justiça. A emissora foi condenada a pagar uma indenização de R$ 800 mil ao ator.
A sentença foi divulgada pelo jornal "O Globo". Procurada pelo Famosidades, a direção do canal informou que não pretende comentar a decisão.
Dolabella teve seu contrato rescindido após ser envolver em uma briga durante as gravações da novela "Vitória", em Curaçao, em 2014. A alta cúpula do canal demitiu o galã e precisou refazer várias cenas do projeto.
"Chegamos ao limite. Infelizmente não deu para manter o contrato. Achamos melhor para o elenco, a emissora e para ele rescindir contrato naquele momento. Ele não gostou nem nós gostamos de chegar a esse ponto. Não é bom para ninguém", disse Anderson Souza, diretor de teledramaturgia do canal, ao Famosidades na época da confusão.
O ex-noivo de Luana Piovani entrou com uma ação contra a empresa após o exame de corpo de delito feito pela vítima ter inocentado o moreno da acusação de agressão.

fonte: www.msn.com